Anhangabaú terá shows de Dexter e Emicida em comemoração ao Dia da Consciência Negra

Em comemoração ao Dia da Consciência Negra, a Secretaria Municipal de Promoção a Igualdade Racial, em parceria com a Secretaria de Cultura do Governo do Estado de São Paulo, promove nos próximos dias 19 e 20 de novembro uma série de shows no Vale do Anhangabaú. Com o tema “Música, Dança e Resistência”, a festa trará uma variedade de atrações de diferentes gêneros. No palco, samba, funk, soul, hip hop e outras vertentes musicais negras dão o tom da festa, enquanto números de dança animam o público.

Os shows trarão nomes como Arlindo Cruz, sambista com mais de 550 músicas gravadas por diversos artistas; Dexter, um dos rappers que protagonizaram a volta do rap na Virada Cultural em 2012; Izzy Gordon, cantora paulista de soul, e jazz e blus e os rappers Rappin’ Hood e Emicida. Keith Sweath, cantor e compositor norte-americano de soul e R&B também tem presença confirmada no evento.

A programação completa do show pode ser conferida no hotsite Consciência Negra em São Paulo. Nos intervalos dos shows, as lendárias equipes de som dos bailes black dos anos 70 e 80, tais como Zimbabwe, Chic Show, Black Mad, Projeto Dinamite e Os Carlos, irão animar a galera, trazendo samba-rock, soul e funk.

No dia 20, a alguns metros do palco principal, na Praça do Correio, a Secretaria de Esportes Lazer e Recreação (SEME) realizará uma baile voltado para a terceira idade. Com repertório black, o baile será realizado das 12 horas às 16 horas.

Feira Gastronômica e Cultural
Também no Vale do Anhangabaú, cerca de 30 expositores de artesanatos, moda e acessórios e mais dez barracas com a culinária afro-brasileira irão compor as comemorações em homenagem ao Dia da Consciência Negra. A feira funcionará das 16 horas à meia-noite do dia 19, e das 10 horas à meia-noite do dia 20.

Junto à exposição e ao espaço gastronômico, acontecerão ainda atividades culturais, como intervenções poéticas, oficinas, rodas de samba e capoeira. Haverá ainda apresentações de grupos teatrais e culturais internacionais: Parodiantes da Ilha (São Tomé e Príncipe), A Cavaqueira do Poste (Moçambique) e GTO Teatro do Oprimido (Guiné Bissau).





Mês da Consciência Negra
Além das atrações reunidas na véspera e no próprio Dia da Consciência Negra, a Prefeitura apoia ainda uma série de atividades que se estenderão até o final do mês em diversos Centros Educacionais Unificados (CEUs) e também em Clubes Esportivos Municipais.

São apresentações de teatro, aulas e oficinas de capoeira – atividade cultural e esportiva legitimamente brasileira -, além de jogos de basquete de rua, futebol, exercícios em piscina, vôlei adaptado, caminhada e lutas, como MMA e Kickboxing. A programação completa dessas atividades pode também ser conferida no hotsite Consciência Negra em São Paulo.

20 de novembro
O Dia da Consciência Negra é comemorado no dia 20 de novembro, como forma de homenagem a Zumbi dos Palmares, morto na mesma data, em 1695, e para marcar a luta contra o preconceito. A data e o feriado na cidade são garantidos pela Lei 13.707, de janeiro de 2004.

O prefeito Fernando Haddad criou em janeiro a Secretaria Municipal de Promoção a Igualdade Racial, que é liderada pelo secretário Netinho de Paula.

Em maio deste ano foi assinada uma Portaria Intersecretarial com cinco Pastas diferente que cria o grupo de trabalho ‘Educação das Relações Etnicorraciais’. O grupo trabalha, principalmente, na elaboração da proposta de implementação, acompanhamento e monitoramento da Lei 10.639/2003, que institui o ensino da História da África nas escolas públicas e privadas. A Secretaria Municipal de Esportes é responsável pelo investimento na prática da capoeira e pela aproximação dos centros esportivos municipais às práticas educativas e de socialização que auxiliem na promoção da igualdade racial.

Ciclofaixas de lazer
Em decorrência do feriado municipal do Dia da Consciência Negra, as ciclofaixas de lazer da cidade serão ativadas na próxima quarta-feira (20), das 7 horas às 16 horas. De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), pretende-se com a iniciativa a implementação de mais uma opção de lazer no feriado. Normalmente, as ciclofaixas são abertas apenas aos domingos.





Deixe seu comentário